AS NOVAS METODOLOGIAS DE ENSINO E A FORMAÇÃO DOCENTE

Pensar Acadêmico

Endereço:
Avenida Getúlio Vargas - Coqueiro
Manhuaçu / MG
36900-350
Site: https://unifacig.edu.br/servicos/publicacoes/
Telefone: (33) 3339-5500
ISSN: 18086136
Editor Chefe: Andréia Almeida Mendes
Início Publicação: 30/06/2011
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências Agrárias, Área de Estudo: Ciências Biológicas, Área de Estudo: Ciências da Saúde, Área de Estudo: Ciências Exatas, Área de Estudo: Ciências Humanas, Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Engenharias, Área de Estudo: Linguística, Letras e Artes, Área de Estudo: Multidisciplinar

AS NOVAS METODOLOGIAS DE ENSINO E A FORMAÇÃO DOCENTE

Ano: 2020 | Volume: 18 | Número: 4
Autores: Maria Deuceny da Silva Lopes Bravo Pinheiro, Alfredo Bravo Marques Pinheiro
Autor Correspondente: Maria Deuceny da Silva Lopes Bravo Pinheiro | [email protected]

Palavras-chave: Projeto Educativo; Teorias Pedagógicas;Metodologias de Ensino; Formação Docente.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A contemporaneidade nos invoca paraum olhar diferenciado para a escola, exigindo novasconcepções desse espaço e do processo educativo, acompanhadas por fundamentos teóricos, desenvolvidas por intelectuais que lutam poruma política pública que ultrapasse o discursoe que possibilitem conceberesse outro formato de sistema educativo que vem sendo desenhado.Buscam,com isso,fortalecer não somente o discurso, mas a prática para umaeducação maissustentável. Nesse contexto, o presente artigo faz umareflexão sobre a configuração da escolaatual,destacandoa necessidade de novas metodologias de ensino e de um projeto educativo arrojado,com num sólido compromisso entre os distintos atores que compõem o território em quea escola está inserida.Finaliza fazendo uma reflexãodas teorias pedagógicas apresentadas por Bertran; Valois (1994), sobre projeto educativo e nos estudos de Garcia (1992,1999), Anastasiou; Alves (2004);Eraut (1995);Ferry (1987); Perrenoud (2000, 2002)e Zeichner (1983) sobre a docência e a formação docente. Pautado nesses autores, destacamos a importância de oprofessor começar a (re)pensar em suas próprias ações, em suas práticas nocotidiano em sala de aula, enfatizando o papel daformação continuada para seuaprimoramentoprofissional. Esperamos que o presente estudo suscitereflexões que colaborem com a construção dosprojetos educativos locais e para a formação docente, com metodologias que aproximem mais o discurso da prática docente.



Resumo Inglês:

Contemporaneity calls us to a different look at the school, demanding new conceptions of this space and of the educational process, accompanied by theoretical foundations, developed by intellectuals who fight for a public policy that goes beyond the discourse, and that make it possible to conceive this other system format educational model that has been designed. With this, they seek to strengthen not only the discourse, but the practice for a more sustainable education. In this context, this article reflects on the configuration of the current school, highlighting the need for new teaching methodologies and a bold educational project, with a solid commitment between the different actors that make up the territory where the school is inserted. It ends by reflecting on the pedagogical theories presented by Bertran; Valois (1994), on educational project and in the studies of Garcia (1992, 1999), Anastasiou; Alves (2004);Eraut (1995);Ferry (1987); Perrenoud (2000, 2002)and Zeichner (1983)on teaching and training teacher. Based on these authors, we highlight the importance of the teacher to start (re) thinking about his own actions, his daily practices in the classroom, emphasizing the role of continuing education for his professional improvement. We hope that this study will give rise to reflections that collaborate with the construction of local educational projects and for teacher training, with methodologies that bring the discourse closer to teaching practice.