Facebook como ferramenta complementar de aprendizado em uma disciplina de Medicina de Família e Comunidade

Revista Docência do Ensino Superior

Endereço:
Avenida Presidente Antônio Carlos, 6627, Prédio da Biblioteca Central, 1º Andar (entrada lateral) - Campus Pampulha
Belo Horizonte / MG
31270901
Site: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rdes/index
Telefone: (31) 3409-6451
ISSN: 22375864
Editor Chefe: Zulmira Medeiros
Início Publicação: 30/09/2011
Periodicidade: Anual
Área de Estudo: Multidisciplinar

Facebook como ferramenta complementar de aprendizado em uma disciplina de Medicina de Família e Comunidade

Ano: 2018 | Volume: 8 | Número: 2
Autores: Leonardo Cançado Monteiro Savassi, Bárbara Rodrigues Toneli,Álisson Oliveira dos Santos, Rodrigo Pastor Alves Pereira
Autor Correspondente: Rodrigo Pastor Alves Pereira | [email protected]

Palavras-chave: Rede social, Educação, Medicina de Família e Comunidade

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O uso de redes sociais no processo de aprendizagem expandiu-se nos últimos anos devido à sua popularidade entre os estudantes, à flexibilidade do tempo gasto na rede e ao seu potencial de interação entre professores e alunos. Apresenta-se a experiência da disciplina “Medicina de Família e Comunidade”, da Escola de Medicina da Universidade Federal de Ouro Preto, em que a rede social Facebook é utilizada como ferramenta complementar no processo de aprendizado acadêmico. Em um grupo controlado e secreto dessa rede, alunos matriculados na disciplina convertem dúvidas clínicas cotidianas em objetivos de aprendizado sob a mediação dos professores responsáveis. A participação dos acadêmicos não é obrigatória nem possui caráter avaliativo. Trata-se de estratégia complementar na qual houve participação ativa a partir das dúvidas levantadas nos atendimentos ambulatoriais, tornando as interações dos alunos qualificadas e o processo de aprendizagem contextual e significativo.



Resumo Inglês:

The use of Social Networks in learning process has expanded in recent years due to its popularity among students, the flexibility of time spend there and its potential for teachers and students interaction and among students themselves. We present the Federal University of Ouro Preto School of Medicine “Family and Community Medicine” discipline experience, where Facebook Social Network is used as a complementary tool in the academic learning process. In a controlled and secret group of this network, the students enrolled in the discipline convert daily clinical doubts into learning objectives under supervision of the responsible teachers. The academics participation is neither mandatory nor evaluative. It is a complementary strategy in which there was active participation arising from patient care doubts, making the students’ interactions qualified, and the process of learning contextual and meaningful.