TajiPoty: A educação patrimonial e a valorização da cultura missioneira

Boletim Técnico-científico do Instituto Federal Farroupilha

Endereço:
Rua Esmeralda, 430, Camobi
Santa Maria / RS
97110767
Site: http://periodicos.iffarroupilha.edu.br/index.php/boletim-tecnico-cientifico/index
Telefone: (55)32266646
ISSN: 23592664
Editor Chefe: Neiva Maria Frizon Auler
Início Publicação: 31/08/2014
Periodicidade: Trimestral
Área de Estudo: Multidisciplinar

TajiPoty: A educação patrimonial e a valorização da cultura missioneira

Ano: 2016 | Volume: 2 | Número: 1
Autores: J. F. Rodrigues, F. A. Pedron
Autor Correspondente: J. F. Rodrigues | [email protected]arroupilha.edu.br

Palavras-chave: São Borja, educação patrimonial, missões jesuíticas

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O município de São Borja está localizado na fronteira oeste do estado do Rio Grande do Sul e faz divisa com a cidade de Santo Tomé (Argentina). Devido à importância histórica, política e cultural que teve no passado, São Borja é reconhecida nacionalmente como o “Primeiro dos Sete Povos das Missões”, e leva o título de “Cidade Histórica” do governo estadual. O projeto de extensão Taji Poty: A educação patrimonial e a valorização da cultura missioneira teve como intuito fomentar e difundir a identidade cultural dos são-borjenses, proporcionando uma série de atividades que envolveu aulas teóricas expositivas, atividades práticas, oficinas com professores e artistas da cidade e visitação guiada pelos principais pontos de remanescentes jesuíticos da antiga redução de São Francisco de Borja. O presente artigo apresenta um resumo da constituição histórica da cidade de São Borja e um levantamento conceitual de temas trabalhados nos anos de 2014 e 2015 no projeto. Após duas edições do projeto, percebeu-se a importância de discussões voltadas para nossa cultura missioneira e de como carecemos de iniciativas de educação patrimonial em nossas escolas e na comunidade como um todo.