PREVALÊNCIA DE TUBERCULOSE EM BOVINOS EM UM MUNICÍPIO DO NORDESTE DO BRASIL

Environmental Smoke

Endereço:
Rua Comerciante Antônio de Souza Lima, 25 - Mangabeira
João Pessoa / PB
58055-060
Site: https://www.environmentalsmoke.com.br
Telefone: (83) 2177-7648
ISSN: 2595-5527
Editor Chefe: Dimitri de Araujo Costa
Início Publicação: 12/08/2018
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências Agrárias, Área de Estudo: Ciências Biológicas, Área de Estudo: Ciências da Saúde, Área de Estudo: Ciências Exatas, Área de Estudo: Ciências Humanas, Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Engenharias, Área de Estudo: Linguística, Letras e Artes, Área de Estudo: Multidisciplinar

PREVALÊNCIA DE TUBERCULOSE EM BOVINOS EM UM MUNICÍPIO DO NORDESTE DO BRASIL

Ano: 2019 | Volume: 2 | Número: 3
Autores: José Andreey Almeida Teles, Gil Dutra Furtado
Autor Correspondente: Gil Dutra Furtado | [email protected]

Palavras-chave: Mycobacterium bovis, Zoonosis, Prevalence

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A tuberculose bovina é uma enfermidade causada por Mycobacterium bovis, possuindo grande importância para saúde pública devido ao seu alto poder zoonótico, sendo responsável por causar enormes prejuízos aos pecuaristas ocasionando diminuição na produção de leite, morte de animais, diminuição no peso, descarte precoce e condenações de carcaças ao abate. Objetivou-se relatar a prevalência de tuberculose em bovinos no município de Major Izidoro (estado de Alagoas, Nordeste do Brasil), uma das principais cidades da bacia leiteira de Alagoana, entre agosto de 2015 e junho de 2016. Foram submetidos ao teste alérgico-cutâneo com tuberculina bovina 183 bovinos de ambos os sexos e variadas idades, divididos em nove propriedades do município, utilizando-se teste cervical simples para identificar animais positivos e negativos no rebanho. Na leitura dos testes foram constatados 7 animais inconclusivos, 176 negativos e nenhum positivo para a enfermidade. Os testes foram feitos seguindo as normas do Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e Tuberculose Animal (PNCEBT). Os dados da pesquisa demonstram que as medidas de fiscalização e ações sanitárias profiláticas adotadas nestas fazendas venham surtindo efeito contra a enfermidade, não significando que a tuberculose bovina esteja erradicada no município.



Resumo Inglês:

Bovine tuberculosis is a disease caused by Mycobacterium bovis, it is of great importance for public health due to its high zoonotic power, it is responsible for causing enormous losses to cattle ranchers, causing a decrease in milk production, death of animals, decrease in weight, And condemnations of carcasses to slaughter. The objective of this study was to report the prevalence of tuberculosis in cattle in the municipality of Major Izidoro (estado de Alagoas, Nordeste do Brasil), one of the main cities of the Alagoana dairy basin, between August 2015 and June 2016. All bovine tuberculin - allergic - The sex and varied ages, divided into nine properties of the municipality, using a simple cervical test to identify positive and negative animals in the herd. In the reading of the tests were verified 7 inconclusive animals, 176 negative and none positive for the disease. The tests were done following the norms of the National Program for the Control and Eradication of Brucellosis and Animal Tuberculosis (PNCEBT). The research data show that the measures of control and prophylactic sanitary actions adopted in these farms have an effect against the disease, not meaning that the bovine tuberculosis is eradicated in the municipality.



Resumo Espanhol:

La tuberculosis bovina es una enfermedad causada por Mycobacterium bovis, que tiene una gran importancia para la salud pública debido a su alto poder zoonótico, y es responsable de causar grandes pérdidas a los ganaderos, causando una disminución en la producción de leche, muerte de animales, disminución de peso, eliminación temprana y matanza de cadáveres. El objetivo de este estudio fue informar la prevalencia de tuberculosis en el ganado bovino en el municipio de Major Izidoro (estado de Alagoas, noreste de Brasil), una de las principales ciudades de la cuenca lechera de Alagoana, entre agosto de 2015 y junio de 2016. Se sometieron a la prueba de alergia. Piel de tuberculina bovina 183 bovinos de ambos sexos y edades variadas, divididos en nueve propiedades del municipio, utilizando una simple prueba cervical para identificar animales positivos y negativos en el rebaño. Leyendo las pruebas, se encontraron 7 animales no concluyentes, 176 negativos y ninguno positivo para la enfermedad. Las pruebas se realizaron siguiendo las reglas del Programa Nacional para el Control y Erradicación de la Brucelosis Animal y la Tuberculosis (PNCEBT). Los datos de la investigación muestran que las medidas de vigilancia y las acciones sanitarias profilácticas adoptadas en estas granjas han tenido un efecto contra la enfermedad, lo que no significa que la tuberculosis bovina se erradique en la ciudad.