O TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE

Revista Científica [email protected]ção

Endereço:
Rua Dos Pinheiros, 40
Miracatu / SP
11850000
Site: https://periodicosrefoc.com.br/jornal/index.php/RCE
Telefone: (13) 9704-7899
ISSN: 2526-8716
Editor Chefe: Claudio Neves Lopes
Início Publicação: 20/05/2017
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Multidisciplinar

O TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE

Ano: 2017 | Volume: 1 | Número: 2
Autores: Marcia Rosa
Autor Correspondente: Marcia Rosa | [email protected]

Palavras-chave: Déficit de Atenção. Hiperatividade. Transtorno Hipercinético. Interdisciplinar.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Este estudo centra-se na investigação dos vários pontos de vista do Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). Já que é uma condição clínica, cujos sintomas clássicos giram em torno dos distúrbios de atenção, hiperatividade e impulsividade e de relacionamento, bem como o baixo desempenho escolar. É um dos transtornos de maior prevalência na infância e adolescência. Pesquisas recentes demonstram que, ao menos do ponto de vista cognitivo, existem diferenças importantes no desenvolvimento de crianças com TDAH quando comparadas com crianças sem qualquer diagnóstico psiquiátrico. O tratamento de crianças com TDAH envolve uma abordagem interdisciplinar, envolvendo intervenções psicossociais bem como as psicofarmacológicas, exigindo um esforço coordenado entre os profissionais da área da saúde em conjunto com educadores e pais. A cada dia conhecemos mais profundamente este transtorno e seus sintomas, passando a entender seus relacionamentos com os problemas de interações infantis, bem como seus tratamentos e interrelacionamentos com outras dificuldades das crianças em suas fases escolares.