Incidência das Formas Imaturas de Aedes albopictus (Skuse) e Aedes aegypti (Linnaeus) no Município de Miguel Pereira, RJ, Brasil

Entomobrasilis

Endereço:
R. Barão de Vassouras, 33 - Sala 07B - Centro
Vassouras / RJ
27700000
Site: https://www.entomobrasilis.org
Telefone: (21) 9938-5953
ISSN: 19830572
Editor Chefe: William Costa Rodrigues
Início Publicação: 31/03/2008
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Agronomia, Área de Estudo: Zoologia, Área de Estudo: Ecologia, Área de Estudo: Zoologia

Incidência das Formas Imaturas de Aedes albopictus (Skuse) e Aedes aegypti (Linnaeus) no Município de Miguel Pereira, RJ, Brasil

Ano: 2010 | Volume: 3 | Número: 2
Autores: Paulo Roberto Moreira Barbosa, William Costa Rodrigues, Marise Maleck de Oliveira Cabral
Autor Correspondente: Paulo Roberto Moreira Barbosa | [email protected]

Palavras-chave: Aedes aegypti, Aedes albopictus, Culicidae, Depósitos preferenciais, insetos vetores

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A presença de Aedes albopictus (Skuse) em área urbana representa um risco potencial do inter-relacionamento dessa espécie de mosquito
com a população. Este estudo teve como objetivo identificar as formas imaturas de Aedes albopictus (Linnaeus) encontradas nos depósitos e imóveis
do município de Miguel Pereira. O estudo foi realizado no período de 12 meses, ano de 2007, em 27 bairros do município de Miguel Pereira. As
larvas encontradas foram identificadas no laboratório, e calculados os índices de infestação predial (IIP) e índice de Breteau (IB). Os tipos de imóveis
positivos foram residências (79,45 % do total); terrenos baldios (2,57%); comércios (2,57%) e outros tipos de imóveis (15,05%) para Ae. albopictus (
IIP= 1,0), e residências (72,73% do total); comércios (6,06%); terrenos baldios (3,03%); e outros tipos de imóveis (18,18%) para Ae. aegypti (IIP= 0,1).
Ao todo foram capturadas 3731 larvas, sendo 3562 (95, 47%) de Ae. albopictus e 169 (4,53%) de Ae. aegypti. As formas imaturas de Ae. albopictus
mostraram-se mais presente que Ae. aegypti no Município de Miguel Pereira no ano de 2007, e podendo futuramente se tornar um problema de saúde
pública.



Resumo Inglês:

The presence of Aedes albopictus (Skuse) in urban areas represents a potential risk of interrelationship of this mosquito species with the
population. This study aimed to evaluate the presence of Aedes albopictus (Linnaeus) immature forms in deposits and buildings at Miguel Pereira
city, Rio de Janeiro State. The study was carried in the last 12 months, 2007, in 27 districts in Miguel Pereira city. The larvae were identified at the
laboratory, and calculated the rates of predial infestation index (IIP) and Breteau index (BI). The positive buildings were: residential (79.45 % of
total); waste land (2.57%), shopping (2.57%) and other types of buildings (15.05%) to Ae. albopictus (PII= 1.0) and homes (72.73% of total), shopping
(6.06%); waste land (3.03%) and other types of buildings (18.18%) to Ae. aegypti (PII= 0.1) The 3731 larvae collected, 3562 (95.47%) were Ae.
albopictus and 169 (4.53%) 0f Ae. aegypti. The immature forms of Ae. albopictus proved to be more present than Ae. aegypti in the Miguel Pereira
city in 2007 and in future it may become a public health problem.