A evasão escolar na educação profissional: uma análise dos cursos ofertados pelo Pronatec no campus Natal-Central do IFRN

Competência − Revista da Educação Superior do Senac -RS

Endereço:
Av. Fernando Ferrari - 2001 - Anchieta
Porto Alegre / RS
90200-041
Site: http://seer.senacrs.com.br/index.php/RC
Telefone: (51) 3284-1987
ISSN: 2177-4986
Editor Chefe: Giuliano Karpinski Moreira, Senac-RS, Brasil
Início Publicação: 16/07/2019
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Ciências Humanas, Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Linguística, Letras e Artes, Área de Estudo: Multidisciplinar

A evasão escolar na educação profissional: uma análise dos cursos ofertados pelo Pronatec no campus Natal-Central do IFRN

Ano: 2018 | Volume: 11 | Número: 2
Autores: Jássio Pereira de Medeiros, Lanisa Viana Araújo, Lenin Cavalcanti Brito Guerra
Autor Correspondente: Jássio Pereira de Medeiros, Lanisa Viana Araújo, Lenin Cavalcanti Brito Guerra | [email protected]edu.br

Palavras-chave: evasão escolar, Pronatec, educação profissional

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) foi criado em 2011, por meio da Lei 12.513/2011, para expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica no país. Objetiva-se, pois, analisar os motivos que ocasionaram a evasão de estudantes ingressados no período de 2012 a 2014 nos cursos de Formação Inicial e Continuada oferecidos pelo Pronatec, no IFRN, campus Natal-Central. Para fundamentar a pesquisa, foram utilizadas bases teóricas envolvendo Políticas Públicas, Educação Profissional e Tecnológica no Brasil e Evasão Escolar. A metodologia adotada foi uma pesquisa do tipo exploratório-descritiva e caracterizada como estudo de caso. Os questionários foram aplicados a 251 alunos evadidos, aos professores e aos membros do comitê organizador do Programa e buscaram mapear o perfil desses atores, assim como identificar e analisar os motivos que causaram a evasão. Verificou-se que os principais fatores para o abandono escolar foram o trabalho, a falta de interesse, a motivação, a afinidade com o curso e o horário das aulas. Ao final, foram apresentadas sugestões de melhorias, tais como um maior acompanhamento por parte da instituição (com o registro dos motivos para o abandono) e melhores critérios na seleção dos candidatos aos cursos.

Resumo Inglês:

The National Program for Access to Technical Education and Employment (Pronatec) was created in 2011, to expand, interiorize and democratize the offer of professional and technological education courses in the country. This study aims to analyze the reasons that led to the evasion of students enrolled between 2012 and 2014 in the Initial and Continuing Education offered by Pronatec, at IFRN Natal-Central Campus. To base the research, theoretical bases were used involving Public Poli-cies, Professional and Technological Education in Brazil, Pronatec, and School Evasion. The adopted methodology was descriptive-exploratory research, characterized as a case study. The questionnaires were applied to 251 evaded students, to teachers and to members of the organizing committee of the Program, and searched for a profile map of these actors, as well as for data concerning the reasons for the evasion. It was found that the main factors for students’ dropout were work, lack of interest, as well as of motivation and connection with the course, and the class schedule. At the end, suggestions were presented for improvements, such as greater follow-up by the institution (recording reasons for dropout) and better criteria in the selection of candidates for the courses.