Análise da pertinência do teatro do oprimido para a extensão universitária: perspectivas de jovens residentes em Crato, Ceará

Revista Elo - Diálogos em Extensão

Endereço:
Avenida Peter Henry Rolfs - Campus Universitário
Viçosa / MG
36570900
Site: http://www.elo.ufv.br
Telefone: (31) 3612-2020
ISSN: 2317-5451
Editor Chefe: Juan Pablo Chiappara Cabrera
Início Publicação: 30/11/2012
Periodicidade: Mensal
Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Administração, Área de Estudo: Ciências Contábeis, Área de Estudo: Turismo

Análise da pertinência do teatro do oprimido para a extensão universitária: perspectivas de jovens residentes em Crato, Ceará

Ano: 2021 | Volume: 10 | Número: Não se aplica
Autores: Geovane Gesteira Sales TORRES, Caio Ricardo da SILVA, Regina Pimentel CRUZ, Maria Isabel de Sousa BEZERRA, Diego Coelho do NASCIMENTO
Autor Correspondente: Diego Coelho do NASCIMENTO | [email protected]

Palavras-chave: Extensão universitária, teatro do oprimido, juventudes, bairros periféricos, direito à cidade, extensión universitaria, teatro del oprimido, juventud, barrio de la periferia, derecho a la ciudad

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Esse artigo tem por objetivo avaliar a pertinência da metodologia Teatro do Oprimido para a promoção de ações de extensão universitária em contextos periférico-urbanos por meio da análise dos discursos dos jovens participantes das ações de extensão do Laurbs no bairro Alto da Penha, em Crato - CE. Mediante isso, realizou-se uma pesquisa exploratória, cuja coleta dos dados se deu a partir de um questionário semiestruturado aplicado com jovens residentes na comunidade. O tratamento dos dados qualitativos se deu por meio da técnica análise de conteúdo, já os quantitativos foram tratados com base na estatística descritiva. Os resultados apontam que os participantes enxergam a pertinência do Teatro do Oprimido,avaliando-o positivamente. Conclui-se que metodologias lúdicas como o Teatro do Oprimido são importantes para impactar positivamente a consciência dos jovens sobre o seu território e os seus papéis nele, provocando, assim, o despertar à participação social e à cidadania.



Resumo Inglês:

This article aims to evaluate the relevance of the Theater of the Oppressed methodology for the promotion of university extension actions in peripheral-urban contexts through the analysis of the speeches of the young participants of Laurbs' extension actions in the Alto da Penha neighborhood, in Crato - CE. Through this, an exploratory survey was carried out, whose data was collected from a semi-structured questionnaire applied to young residents of the community. The qualitative data were treated by means of the content analysis technique, while the quantitative data were treated based on descriptive statistics. The results show that the participants see the relevance of the Theater of the Oppressed, evaluating it positively. It is concluded that playful methodologies as the Theater of the Oppressed are important to positively impact the awareness of young people about their territory and their roles in it, thus causing the awakening of social participation and citizenship.



Resumo Espanhol:

Este artículo tiene como objetivo evaluar la pertinencia de la metodología Teatro del Oprimido para la realización de actividades de extensión universitaria en las periferias en el espacio urbano, analizando los discursos de los jóvenes participantes en las acciones de extensión universitaria del Laurbs en el barrio de Alto da Penha, en Crato - CE. A través de esto, se llevó a cabo una investigación exploratória, cuya recopilación de datos se logró mediante un cuestionario semiestructurado aplicado a los jóvenes que viven en el barrio de Alto da Penha. El tratamiento de datos cualitativos se llevó a cabo a través de la técnica de análisis de contenido, y los datos cuantitativos se trataron con la ayuda de la estadística descriptiva. Los resultados indican que los participantes ven la pertinencia del Teatro del Oprimido, dando críticas positivas al respecto. Se concluye que metodologías lúdicas como el Teatro del Oprimido son importantes para impactar positivamente la conciencia de los jóvenes sobre su territorio y sus papeles en él, generando interés en la participación social y la ciudadanía.