Uma investigação sobre perda dentária em pacientes geriatras: um estudo transversal

Revista Naval de Odontologia - Naval Dental Jornal (ano 2019)

Endereço:
Praça Barão de Ladário - 1 - Centro
Rio de Janeiro / RJ
20091-000
Site: https://portaldeperiodicos.marinha.mil.br/index.php/odontoclinica/index
Telefone: (21) 2104-6588
ISSN: 0102-7506
Editor Chefe: Daniela Cia Penoni
Início Publicação: 31/10/1953
Periodicidade: Anual
Área de Estudo: Ciências da Saúde, Área de Estudo: Odontologia

Uma investigação sobre perda dentária em pacientes geriatras: um estudo transversal

Ano: 2019 | Volume: 46 | Número: 1
Autores: G. Pardini, A. T. T. Leão, D. C. Penoni
Autor Correspondente: Daniela Cia Penoni | [email protected]

Palavras-chave: Idoso. Perda de dente. Dentição. Qualidade de vida.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

A fim de traçar o perfil do paciente idoso assistido pela Odontoclínica Central da Marinha, foi feito um levantamento epidemiológico buscando delinear as condições e alterações bucais presentes nessa população. Realizou-se um estudo transversal onde buscou-se descrever a prevalência de edentulismo e dentição funcional numa população de 675 idosos com 60 anos ou mais. Adicionalmente, foi avaliado o impacto da dentição funcional (DF) na qualidade de vida dessas pessoas verificando sua associação com mudanças nos hábitos alimentares. Os indicadores avaliados foram: uso de próteses totais e removíveis, superiores e inferiores, número de implantes e dentes naturais. Os pacientes relataram se houve mudanças na alimentação devido à condição oral. A análise dos dados mostrou que a média de dentes dos pacientes foi de 15,7 ± 7,9, 24,1% apresentavam perda dentária grave, 64,0% não apresentava dentição funcional e 23,5% relataram mudanças em sua alimentação nos últimos seis meses. Conclui-se que grande parte dos idosos avaliados apresentou perda de diversos elementos dentários, o que impactou negativamente na qualidade de vida relacionada à saúde oral.



Resumo Inglês:

o provide a profile of the elderly people assisted by the Naval Dental Center (Odontoclínica Central da Marinha), it was performed an epidemiological survey seeking to outline the oral conditions and reported changes in eating habits in this population. A cross-sectional study aimed to describe the prevalence of edentulism and functional dentition in a population of 675 elderly aged more than 60. The impact of functional dentition (FD) on quality of life of these people was assessed, and the association of FD with changes in eating habits was evaluated. The following variables were collected: number of full and partials removable dentures user, number of implants and natural teeth. The participants were inquired about changes on eating habits due to oral status. Data analysis has shown that the average number of natural teeth was 15.7 ± 7.9, 24.1 had severe dental loss, 64.0% did not present functional dentition and 23.5% reported changes in eating and chewing in the last 6 months. It was concluded that a large number of the elderly people evaluated presents several missing teeth which may negatively have impacted on their oral related quality of life.