SÍNTESE, CARACTERIZAÇÃO E AVALIAÇÃO DE BIOCARVÃO PRODUZIDO A PARTIR DE RESÍDUO RUMINAL BOVINO DE FRIGORÍFICO PARA SUBSTITUIÇÃO PARCIAL DO CIMENTO EM CONCRETO

Colloquium Exactarum

Endereço:
Rod. Raposo Tavares, Km 572
Presidente Prudente / SP
19067175
Site: http://journal.unoeste.br/index.php/ce
Telefone: (18) 3229-2079
ISSN: 21788332
Editor Chefe: Robson Augusto Siscoutto e Ana Paula Marques Ramos
Início Publicação: 30/11/2009
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Ciências Exatas, Área de Estudo: Engenharias

SÍNTESE, CARACTERIZAÇÃO E AVALIAÇÃO DE BIOCARVÃO PRODUZIDO A PARTIR DE RESÍDUO RUMINAL BOVINO DE FRIGORÍFICO PARA SUBSTITUIÇÃO PARCIAL DO CIMENTO EM CONCRETO

Ano: 2021 | Volume: 13 | Número: 1
Autores: Alexandre Teixeira de Souza, Maria Luiza Garcia Lopes Molina, Thaise Monique Iurrino
Autor Correspondente: Maria Luiza Garcia Lopes Molina | [email protected]

Palavras-chave: Biocarvão. Pirólise. Concreto verde. Resíduo ruminal bovino. Sustentabilidade.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Atualmente, a indústria do cimento enfrenta vários desafios, tais como: esgotamento das reservas de combustíveis fósseis, escassez de matérias-primas, crescente demanda por materiais de construção, bem como as crescentes preocupações ambientais, como poluição do ar e mudanças climáticas. A produção de cimento está diretamente relacionada com a emissão de CO₂, um dos principais gases causadores do efeito estufa. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi demonstrar o potencial do biocarvão como aditivo para substituição de cimento em concreto, melhorando a hidratação devido aos seus efeitos internos de cura e nucleação. O biocarvão foi preparado por pirólise de resíduo ruminal bovino e utilizado para substituir o cimento a 1 e 2%, em condições pré-embebidas. Realizou-se também análises imediatas para obtenção de informações sobre a composição do biocarvão produzido. Observou-se nos ensaios de resistência à compressão um aumento considerável da resistência do concreto com substituição parcial de biocarvão. Durante a pirólise, o carbono da matéria-prima de biomassa é sequestrado na estrutura química do biocarvão produzido, que seria liberado na atmosfera através de decomposição ou degradação da biomassa. Utilizar materiais produzidos a partir de resíduos para substituir parcialmente o cimento é uma estratégia econômica e sustentável para alcançar misturas de concreto verdes.



Resumo Inglês:

Nowadays, the cement industry faces several challenges, such as: fossil fuels reservation exhaustion, raw material scarcity, growing demand for building materials, as well as crescent environmental concerns, like air pollution and climate changes. The cement production is directly related to CO₂ emission, one of the main greenhouse gases. Therefore, this search’s objective is to demonstrate the biochar as a potential additive to replace cement in concrete, improving hydration due to its internal healing andnucleation effects. The biochar was prepared by bovine ruminal residue pyrolysis for 1 and 2% replacement of concrete cement. Immediate analyzes were also carried out to get information about biochar’s composition. It was observed in the compressive strength tests, a considerable increase in concrete strength with biochar’s partial replacement. During pyrolysis, the carbon from biomass raw material is sequestered in the chemical structure of the biochar produced that would be released into the atmosphere through decomposition or degradation of biomass. Using material produced by waste to partially substitute cement is an economic and sustainable strategy to achieve green concrete mixtures.