Mundos do Trabalho

Endereço:
Programa de Pós-Graduação em História – CFH, Campus Universitário – UFSC, Bairro Trindade
Florianópolis / SC
88040-970
Site: http://periodicos.ufsc.br/index.php/mundosdotrabalho/index
Telefone: (48) 3721-9359
ISSN: 19849222
Editor Chefe: Aldrin A. S. Castellucci
Início Publicação: 31/05/2009
Periodicidade: Anual
Área de Estudo: História

Notas a respeito de homens negros nas narrativas de Rodolfo Xavier para o jornal A Alvorada (Pelotas, Pós-abolição)

Ano: 2020 | Volume: 12 | Número: Não se aplica
Autores: Ângela Pereira Oliveira Balladares
Autor Correspondente: Ângela Pereira Oliveira Balladares | [email protected]

Palavras-chave: Pós-abolição, homens negros, Rodolfo Xavier

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O objetivo do artigo é dialogar sobre os homens negros que foram escolhidos pelo articulista Rodolfo Xavier (1876-1964), em seus escritos para o impresso negro racial A Alvorada, de Pelotas. Atento também para as escolhas, as intenções e os sentidos da preferência de Rodolfo Xavier por sujeitos específicos em suas produções textuais. Sendo assim, busco contribuir para a valorização das ideias e pensamento de homens negros gerados a partir de espaços alternativos, como a imprensa negra. Para a efetivação desta pesquisa, os estudos desenvolvidos por Beatriz Loner a respeito da classe trabalhadora de Pelotas e os estudos sobre o pós-abolição são referências fundamentais.



Resumo Inglês:

The aim of the article is to talk about the black men who were chosen by the writer Rodolfo Xavier (1876-1964), in his writings for the black racial press “A Alvorada”, by Pelotas. Attentive also to the choices, intentions and senses of Rodolfo Xavier's preference for specific subjects in his textual productions. Thus I seek to contribute to the appreciation of the ideas and thinking of black men generated from alternative spaces, such as the black press. For the realization of this research, the studies developed by Beatriz Loner about the working class of Pelotas and the post-abolition studies are fundamental references.