A mesclagem conceptual e a construção morfológica na interpretação do poema cidade/city/cité, de Augusto de Campos

Odisseia

Endereço:
Avenida Senador Salgado Filho, 3000 - Lagoa Nova
Natal / RN
59078-970
Site: http://www.periodicos.ufrn.br/odisseia/index
Telefone: (84) 3342-2220
ISSN: 1983-2435
Editor Chefe: Katia Aily F. de Camargo e Orison Marden Bandeira de Melo Júnior
Início Publicação: 31/07/2008
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Letras, Área de Estudo: Linguística

A mesclagem conceptual e a construção morfológica na interpretação do poema cidade/city/cité, de Augusto de Campos

Ano: 2019 | Volume: 4 | Número: 2
Autores: Henrique Cosenza
Autor Correspondente: Henrique Cosenza | [email protected]

Palavras-chave: Construção morfológica, Mesclagem, Poética cognitiva

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Este trabalho, que é parte de dissertação defendida em 2019, na Fale/UFMG, apresenta a analise do poema cidade/city/cité, de Augusto de Campos, buscando demonstrar como o ferramental teórico da Linguística Cognitiva se presta a descrever processos necessários à interpretação dos mais variados tipos de produção linguística, incluindo a poética. Assim, o estudo se encaixa na linha de investigação da poética cognitiva. O poema é composto de um único neologismo que pode ser decomposto em vinte e oito palavras, que formam inputs numa rede de mesclagem conceptual. O mapeamento entre os inputs revela uma estrutura abstrata a ser projetada no espaço genérico dessa rede. Essa estrutura abstrata indica a existência de uma construção morfológica do Português. O estudo, portanto, atinge o objetivo de demonstrar a aplicabilidade do referencial teórico adotado na descrição de processos demandados na interpretação do tipo de texto analisado, bem como corrobora premissas da gramática de construções e indica a existência de uma construção morfológica na língua portuguesa.



Resumo Inglês:

This paper, which is part of my master’s thesis defended in 2019, presents the analysis of the cidade/city/cité poem, by Augusto de Campos, seeking to demonstrate how the theoretical tools of Cognitive Linguistics lends itself to describing the necessary processes for the interpretation of the most varied types of linguistic production, including poetics. Thus, the study fits the line of investigation of cognitive poetics. The poem is composed of a single neologism that can be broken down into twenty eight words, each of which forms inputs into a conceptual blending network. The mapping between inputs reveals an abstract structure to be projected into the generic space of this network. This abstract structure indicates the existence of a morphological construction of Portuguese. The study, therefore, achieves the objective of demonstrating the applicability of the theoretical framework adopted in the description of processes required in the interpretation of the type of text analyzed, as well as corroborating premises of the grammar of constructions and indicates the existence of a morphological construction in the Portuguese language.