Leigos e leigas: história e interpretação

Atualidade Teológica

Endereço:
Rua Marquês de São Vicente, 225 - Departamento de Teologia - PUC-Rio - Gávea
Rio de Janeiro / RJ
22451-900
Site: http://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/rev_ateo.php?strSecao=INDEX
Telefone: (21) 03527-1974
ISSN: 16763742
Editor Chefe: Maria Teresa de Freitas Cardoso
Início Publicação: 30/11/1997
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Teologia

Leigos e leigas: história e interpretação

Ano: 2015 | Volume: 19 | Número: 50
Autores: Antonio José de Almeida
Autor Correspondente: A. J. Almeida | [email protected]

Palavras-chave: Leigo, Hierarquia, Igreja, Missão.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

“Leigo” é um termo que cobre uma ampla gama de signifi cados. O
fenômeno está ligado às distintas situações eclesiais, canônicas e teológicas
vividas pelos leigos ao longo da história do cristianismo. Percorrer a história
dessas variações semânticas e interpretações teológicas é o objeto deste
trabalho, com o intuito de oferecer aos que refl etem sobre o tema do “laicato”
um instrumento capaz de revelar aspectos novos ou desconhecidos da questão.
A refl exão parte do Novo Testamento, onde signifi cativamente não aparece o
termo “leigo” e chega aos dias atuais, em que tendências bastante diferentes
entre si disputam a interpretação mais adequada destes sujeitos eclesiais, os
leigos e as leigas, que, em que pesem as contradições os vaivéns, têm conquistado
sempre maior espaço e reconhecimento na vida e missão da Igreja.



Resumo Inglês:

“Lay” is a term that covers a wide range of meanings. The phenomenon
is linked to the different ecclesial, theological and canonical situations
experienced by lay people throughout the history of Christianity. Go through
the history of these semantic variations and theological interpretations is the object of this work , in order to provide refl ecting on the theme of “laity”
an instrument capable of revealing new aspects or unknown of the question.
Refl ection of the New Testament, which signifi cantly not appear the term
“lay” and reaches the present day, where quite different trends each other
vying for the most appropriate interpretation of these ecclesial subjects, lay
men and women who, in spite of the contradictions and shuttles have gained
ever greater space and recognition in the Church’s life and mission.