FLUORETAÇÃO DAS ÁGUAS NO BRASIL: UM ASSUNTO AINDA CONTROVERSO

SEMIOSES: INOVAÇÃO, DESENVOLVIMENTO E SUSTENTABILIDADE

Endereço:
Avenida Paris - 72 - Bonsucesso
Rio de Janeiro / RJ
21041020
Site: http://revistas.unisuam.edu.br/index.php/semioses
Telefone: (21) 3882-9797
ISSN: 1981-996X
Editor Chefe: KÁTIA ELIANE SANTOS AVELAR
Início Publicação: 30/03/2007
Periodicidade: Trimestral
Área de Estudo: Multidisciplinar

FLUORETAÇÃO DAS ÁGUAS NO BRASIL: UM ASSUNTO AINDA CONTROVERSO

Ano: 2018 | Volume: 12 | Número: 1
Autores: Silvio Cesar Bello Salgado, Saulo Roni Moraes, Janaina Japiassu De Vasconcelos Cavalcane
Autor Correspondente: Janaina Japiassu De Vasconcelos Cavalcane | cavalcantej[email protected]

Palavras-chave: Fluoretação, Meio Ambiente, Saúde Pública

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Fluoretação da água de abastecimento público é a adição de compostos de flúor nas estações de tratamento da água como uma das formas de prevenção da cárie dentária.  Ainda que a fluoretação das águas seja reconhecidamente eficaz na prevenção da cárie dentária, e mesmo que a Organização Mundial da Saúde (OMS) siga recomendando-a como medida estratégica de saúde pública, há questionamentos quanto à sua efetividade em contextos em que as populações estão expostas a múltiplas fontes de flúor. O objetivo desta revisão foi apresentar alguns pontos sobre fluoretação da água no Brasil.  Para além de saber se a fluoretação das águas de abastecimento público é eficaz ou não, é relevante seguir avaliando se essa tecnologia de saúde pública é ou não efetiva na prevenção da cárie, sobretudo em contextos socioeconômicos marcados por desigualdades, como é o caso do Brasil. Somente com a análise detalhada de todos os argumentos poder-se-á chegar a um posicionamento sólido em relação ao tema, com conclusões mais acuradas.



Resumo Inglês:

Public water supply fluoridation is the addition of fluoride compounds in water treatment plants as one of the ways to prevent tooth decay. Although fluoridation of water is recognized to be effective in preventing dental caries, and even if the World Health Organization (WHO) continues to recommend it as a strategic public health measure, there are questions about its effectiveness in contexts where populations are exposed to multiple sources of fluoride. The purpose of this review was to present some points about water fluoridation in Brazil. In addition to knowing whether fluoridation of public water supply is effective or not, it is important to continue evaluating whether or not this public health technology is effective in preventing caries, especially in socioeconomic contexts marked by inequalities, such as Brazil . Only with the detailed analysis of all the arguments can one arrive at a solid position on the subject, with more accurate conclusions.