Estudo da variação no uso do artigo em português L2 por falantes de língua materna chinesa

Domínios De [email protected]

Endereço:
Av. João Naves de Ávila, 2121 - Sala 1U-206 - Santa Mônica
Uberlândia / MG
38408-144
Site: http://www.seer.ufu.br/index.php/dominiosdelinguagem
Telefone: (34) 3239-4162
ISSN: 19805799
Editor Chefe: Guilherme Fromm
Início Publicação: 31/05/2007
Periodicidade: Trimestral
Área de Estudo: Linguística

Estudo da variação no uso do artigo em português L2 por falantes de língua materna chinesa

Ano: 2018 | Volume: 12 | Número: 2
Autores: Zhang Jing
Autor Correspondente: Zhang Jing | [email protected]

Palavras-chave: Artigo, Português como L2, Aprendizes Chineses

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O presente trabalho apresenta um estudo sobre variações na produção do artigo português por aprendentes de língua materna chinesa, tentando testar a Hipótese de Análise Sintática Errada (Syntactic Misanalysis Account - SMA) na representação do artigo em gramáticas L2. Proposta por Trenkic (2007, 2008), esta hipótese prevê que a escolha do artigo seja influenciada pela identificabilidade objetiva dos referentes e os artigos serão tratados como adjetivos processuais. O foco do estudo é colocado na tendência dos aprendentes chineses para omitir, com mais facilidade, artigos portugueses na construção de nomes modificados pelo adjetivo (Art+N+Adj) do que nomes sem nenhum modificador (Art+N). Os dados recolhidos da produção escrita e oral em português L2 de aprendentes chineses mostram que a SMA serve para explicar as variações detetadas na produção do artigo português pelos aprendentes chineses.