ESTRUTURA DE CAPITAL DE EMPRESAS DO AGRONEGÓCIO: ANÁLISE DO ENDIVIDAMENTO GERAL E FINANCEIRO NO PERÍODO DE 2004 A 2011

ABCustos

Endereço:
Avenida Unisinos - 950 - Cristo Rei
São Leopoldo / RS
93022750
Site: https://www.abcustos.emnuvens.com.br/abcustos/index
Telefone: (51) 9406-0625
ISSN: 1980-4814
Editor Chefe: Clóvis Antônio Kronbauer
Início Publicação: 01/05/2006
Periodicidade: Quadrimestral

ESTRUTURA DE CAPITAL DE EMPRESAS DO AGRONEGÓCIO: ANÁLISE DO ENDIVIDAMENTO GERAL E FINANCEIRO NO PERÍODO DE 2004 A 2011

Ano: 2013 | Volume: 8 | Número: 1
Autores: Clóvis Antônio Kronbauer, Mauro César Tonidandel, Valéria Siebel, Cláudio Roberto Schmitz Júnior, Marcos Pires
Autor Correspondente: Clóvis Antônio Kronbauer | [email protected]

Palavras-chave: estrutura de capital, agronegócio, endividamento, lucratividade.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O estudo objetivou investigar a estrutura de capital de uma amostra composta por 23 empresas do setor do agronegócio brasileiro listadas na BM&FBOVESPA, analisando o seu endividamento geral e bancário, com base nos dados oriundos das suas demonstrações financeiras padronizadas – DFPs no período de 2004 a 2011. Trata-se de uma pesquisa descritiva quanto aos seus objetivos, de natureza básica e aplicada e quantitativa na abordagem do problema, utilizando-se de técnicas estatísticas básicas e de análise de variância na análise dos dados. A partir disso, analisou-se o impacto desse endividamento nos resultados e sua possível relação com o volume de recursos financeiros disponibilizados por meio da política agrícola oficial. Embora os resultados das análises mostrem não haver mudança na estrutura de capital dessas empresas nos últimos quatro anos, a composição do endividamento se apresenta diferente, com evolução significativa no endividamento bancário, evidenciando um perfil de dívida diferente do período de 2004 a 2007. Mesmo sendo o fato coincidente com o aumento da lucratividade e rentabilidade dessas empresas a partir de 2008, não se pôde concluir, com base nos dados e análises, que o aumento do endividamento bancário tenha sido um fator determinante. O que se infere, entretanto, é que o aumento do preço das commodities pode ter sido fator relevante para o aumento da lucratividade e rentabilidade das empresas estudadas. 



Resumo Inglês:

The study aimed to investigate the capital structure in a sample of 23 companies from Brazilian agribusiness listed on BM&FBOVESPA, analyzing their overall and bank indebtedness, based on data from its standard financial statements – DFPS in the period from 2004 to 2011. This is a descriptive research concerning its objectives, basic and applied on its nature and quantitative approach on what refers to the problem, using statistical techniques for data analyzes. From this, we analyzed the impact of debt on the results and its possible relationship with the volume of financial resources available through the official agricultural policy. Although the results from the analyzes don’t show any relevant change in capital structure of these companies in the past four years, the composition of the debt is presented differently, with significant increase in bank indebtedness, evidencing a debt profile different from the period from 2004 to 2007. Even though the fact is coincident with increased profitability of companies since 2008, it could not be conclusive, based on data and analysis, the increase in debt has been a favorable factor. What follow, however, is that the increase in commodity prices may have been explanatory factor for the increase of the profitability of the companies studied.