A COSMOLOGIA DE AGOSTINHO DE HIPONA

Basilíade

Endereço:
Rua Carmelo Rangel - 1200 - Batel
Curitiba / PR
80440-050
Site: https://fasbam.edu.br/pesquisa/periodicos/index.php/basiliade
Telefone: (41) 3243-9800
ISSN: 2596-092X
Editor Chefe: Irineu Letenski
Início Publicação: 27/01/2019
Periodicidade: Semestral
Área de Estudo: Filosofia

A COSMOLOGIA DE AGOSTINHO DE HIPONA

Ano: 2021 | Volume: 3 | Número: 5
Autores: João Eduardo Pinto Basto Lupi
Autor Correspondente: J. E. P. B. Lupi | [email protected]

Palavras-chave: Agostinho, cosmologia, mundo físico, ordem, universo.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Agostinho é quase sempre estudado como o “homem teológico” que em tudo via a presença e a ação divinas. Mas isso não o impedia de olhar o mundo físico à sua volta, e de prestar atenção às propriedades da terra, da água, do fogo, e aos movimentos dos astros. Tinha especial predileção pelos cálculos numéricos, e pela questão da natureza do tempo. A essas observações dispersas pode parecer um tanto impróprio chamar cosmologia, mas ela existe na medida em que, por trás desse modo de observar, há uma concepção de universo que é ao mesmo tempo teológica, antropológica, e concreta, em que, acima de tudo, o cosmo ostenta ordem e beleza, e é um sinal do Criador.



Resumo Inglês:

Usually, Augustine is studied as a theological man, who in all things sees the presence and action of God. However, this consideration was not for him an obstacle to take attention to the physical world around him, and to the properties of water, fire, and other things, besides the movement of the stars. Some of his main interests were numbers calculations, and the nature of time. To those scattered observations of Augustine is not quite correct to call a cosmology, but it exists in thesense that, behind that way to consider the universe, there is a theological method which is a view that includes, at the same time, anthropological and physical aspects. Besides, the cosmos displays order, beauty, and it is a sign of the Creator.