Bacharelado em Ciências Contábeis nas Universidades Federais Brasileiras: Uma Análise Discriminante de sua formação Social e Técnica

Revista Mineira de Contabilidade

Endereço:
Rua Cláudio Manoel - 639 - Savassi
Belo Horizonte / MG
30140-105
Site: http://revista.crcmg.org.br
Telefone: (31) 3269-8413
ISSN: 2446-9114
Editor Chefe: Profª. Dra. Nálbia de Araújo Santos
Início Publicação: 16/10/2000
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Ciências Contábeis

Bacharelado em Ciências Contábeis nas Universidades Federais Brasileiras: Uma Análise Discriminante de sua formação Social e Técnica

Ano: 2015 | Volume: 16 | Número: 2
Autores: Veronica Silva Ricardo, Rafael Morais Pereira, Fernanda Maria de Almeida, Rodrigo Gava, Carla de Souza Cruzato
Autor Correspondente: Veronica Silva Ricardo | [email protected]

Palavras-chave: ciências contábeis, formação social, projetos de extensão

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

O Bacharelado em Ciências Contábeis no Brasil possui 50% dos conteúdos presentes em sua grade curricular definidos pela Resolução CNE/CES nº. 10/2004, sendo o restante determinado pela instituição que o oferece. As áreas inseridas entre as regulamentações da resolução citada visam uma formação prioritariamente técnica, cabendo às Instituições de Ensino Superior (IES) incluir conteúdos que vão além do exclusivismo técnico, comprometendo-se com uma formação coerente com a própria definição do campo das ciências sociais do qual a Ciência Contábil faz parte. Neste caminho, para uma formação social dos seus ingressos, algumas IES oferecem a possibilidade de participação em Projetos de Extensão, o que foi considerado fundamental nos resultados da pesquisa. Ademais, as disciplinas com enfoque social se fazem necessárias na formação acadêmica de todas as profissões, já que é por meio delas que se constrói um profissional mais completo, apto a enfrentar as adversidades de uma sociedade tão complexa em demandas. Por esse motivo, o estudo possui caráter relevante, pois na profissão contábil isso se torna ainda mais necessário, visto que as informações geradas pelos contabilistas são de grande importância para a tomada de decisão nas instituições e precisam ser pautadas pela ética e responsabilidade. Portanto, buscou-se identificar a oferta de disciplinas cujos conteúdos não estão previstos na resolução citada, procurando relacioná-los com a formação social dos futuros bacharéis em Contabilidade. Por meio de uma análise discriminante, observou-se que o índice de enfoque social trabalhado nas universidades federais brasileiras é baixo. Diante disso, mostra-se necessária uma ação conjunta entre IES e estudantes para inversão do quadro.



Resumo Inglês:

The Bachelor in Accounting in Brazil has 50% of the content in the curriculum defined by Resolution CNE / CES 10/2004, the remainder is determined by the institution offering it. The areas inserted among the regulations of the mentioned resolution aimed primarily technical training, being the responsibility of higher education institutions (HEIs) to include contents that go beyond technical exclusivism, being committed to a formation consistent with the definition of the social sciences which is part. In order to provide a social formation to their academics, some HEIs offer the possibility of participation in Extension Projects, so these ones were keys in the search results. Furthermore, the weight of disciplines with social focus is needed in academic formation of all professions, since it is through them that it is built a more complete professional, able to face the adversities of a society so complex in demands. That’s why this study has a relevant character, as in the accounting profession it becomes even more necessary as the information generated by accountants are of great importance for decision making in institutions and need to be guided by ethics and responsibility. Therefore, we tried to identify the range of disciplines whose contents are not included in the mentioned resolution, trying to relate them with the social formation of future graduates. Through discriminant analysis, it was observed that the rate of social approach worked in the Brazilian federal universities in general is low. Thus, it is necessary a joint action between HEIs and students to reverse the situation.