AVALIAÇÃO DO RISCO DE LESÃO POR PRESSÃO EM PACIENTES EM TRATAMENTO ONCOLÓGICO

Arquivos de Ciências da Saúde da Unipar

Endereço:
Praça Mascarenha de Moraes, 4282 - UNIPAR - Zona III
Umuarama / PR
87502210
Site: https://ojs.revistasunipar.com.br/index.php/saude
Telefone: (44) 3621-2816
ISSN: 1982-114X
Editor Chefe: Giuliana Zardeto
Início Publicação: 31/01/1997
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências da Saúde

AVALIAÇÃO DO RISCO DE LESÃO POR PRESSÃO EM PACIENTES EM TRATAMENTO ONCOLÓGICO

Ano: 2023 | Volume: 27 | Número: 8
Autores: Taline Gonçalves da Silva Rafaella Vilaça de Lima Mendes Danilo dos Santos Cesario Eliza Maria Rezende Dázio José César de Araújo Lucélia Terra Chini Murilo César do Nascimento Andreia Cristina Barbosa Costa
Autor Correspondente: Taline Gonçalves da Silva | [email protected]

Palavras-chave: Lesão por Pressão; Neoplasias; Risco.  Pressure Injury; Neoplasms; Risk. Lesiones de Presión; Neoplasias; Riesgo.

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Este estudo teve por objetivo avaliar o risco de desenvolvimento de lesão por pressão em pacientes internados na unidade de oncologia. Trata-se de estudo descritivo, analítico, transversal e de natureza quantitativa aprovado pelo Comitê de Ética da Universidade Federal de Alfenas sob parecer nº 5.916.419. A população de interesse foi composta por pacientes em tratamento oncológico de ambos os sexos, com idade acima de 18 anos e com tempo de internação superior a 24 horas. A coleta de dados ocorreu no período de março a maio de 2023, em uma unidade de internação oncológica. Foram utilizados o instrumento de caracterização sociodemográfica e clínica e a escala de Braden. Para análise estatística descritiva e inferencial foi utilizado o software Statistical Package for the Social Science (SPSS). Participaram 100 pacientes. A média da pontuação da Escala de Braden foi de 17,71 pontos, o que representa baixo risco de desenvolvimento de lesão por pressão. O presente estudo permitiu avaliar o risco de desenvolvimento de lesão por pressão em pacientes internados na unidade de oncologia por meio da Escala de Braden, sendo que, para esta amostra, o risco foi classificado como baixo.



Resumo Inglês:

This study aimed to evaluate the risk of developing pressure injury in patients admitted to the oncology unit. This is a descriptive, analytical, cross-sectional study of a quantitative nature approved by the Ethics Committee of the Federal University of Alfenas under opinion nº 5.916.419. The population of interest was composed of patients in oncological treatment of both sexes, aged over 18 years and with hospitalization time greater than 24 hours. The data collection took place in the period from March to May 2023, in an oncology hospitalization unit. The instrument of sociodemographic and clinical characterization and Braden's scale were used. The Statistical Package for the Social Science (SPSS) software was used for descriptive and inferential statistical analysis. 100 patients participated. The average Braden's score was 17.71 points, representing a low risk of developing pressure injury. The present study allowed to evaluate the risk of developing pressure injury in patients admitted to the oncology unit by means of the Braden scale, and for this sample, the risk was classified as low.



Resumo Espanhol:

Este estudio tuvo como objetivo evaluar el riesgo de desarrollar lesión a presión en pacientes de la unidad oncológica. Se trata de un estudio descriptivo, analítico, transversal y cuantitativo, aprobado por el Comité de Ética de la Universidad Federal de Alfenas con arreglo al dictamen no 5 916 419. La población de interés se compone de pacientes sometidos a tratamiento oncológico de ambos sexos, mayores de 18 años y con tiempo de internación superior a 24 horas. La recolección de datos tuvo lugar entre marzo y mayo de 2023, en una unidad de internamiento para enfermos de cáncer. Se utilizó el instrumento de caracterización sociodemográfica y clínica y la escala Braden. El paquete estadístico para el programa de ciencias sociales (SPSS) se utilizó para el análisis estadístico descriptivo e inferencial. Había 100 pacientes. La puntuación media en la escala de Braden fue de 17,71 puntos, lo que representa un bajo riesgo de desarrollar lesión a presión. Este estudio ha permitido evaluar el riesgo de desarrollar lesión a presión en pacientes de la unidad oncológica a través de la Escala Braden, y para esta muestra el riesgo se ha clasificado como bajo.