ANÁLISE DO ESTABELECIMENTO DE LIMITE DE CRÉDITO PARA PRODUTOR RURAL PESSOA FÍSICA

Revista Mineira de Contabilidade

Endereço:
Rua Cláudio Manoel - 639 - Savassi
Belo Horizonte / MG
30140-105
Site: http://revista.crcmg.org.br
Telefone: (31) 3269-8413
ISSN: 2446-9114
Editor Chefe: Profª. Dra. Nálbia de Araújo Santos
Início Publicação: 16/10/2000
Periodicidade: Quadrimestral
Área de Estudo: Ciências Sociais Aplicadas, Área de Estudo: Ciências Contábeis

ANÁLISE DO ESTABELECIMENTO DE LIMITE DE CRÉDITO PARA PRODUTOR RURAL PESSOA FÍSICA

Ano: 2017 | Volume: 18 | Número: 1
Autores: Alexandre André Feil, Toni Francisco Messer
Autor Correspondente: Alexandre André Feil | [email protected]

Palavras-chave: indicadores de liquidez, indicadores de endividamento, indicadores de rentabilidade, risco de crédito, limite de crédito

Resumos Cadastrados

Resumo Português:

Este estudo teve como objetivo analisar a pessoa física produtor rural por meio do modelo de análise de crédito pessoa jurídica, e também do modelo da pessoa física assalariada, para verificar se existem diferenças nesta análise quanto ao limite de crédito. A metodologia compreende a abordagem quantitativa; quanto aos procedimentos técnicos, utilizou-se a entrevista estruturada, classificada como estudo de caso múltiplo; e em relação aos objetivos, adere-se à pesquisa exploratória. Os principais resultados extraídos das análises de crédito, por meio dos modelos pessoa física assalariada e pessoa jurídica revelaram que o estabelecimento do limite de crédito, pelo modelo pessoa jurídica, reflete um menor valor, ou seja, uma menor capacidade de pagamento em detrimento do modelo de análise de pessoa física assalariada. Esta diferença revelou-se, na maioria dos casos, superior a 50% do limite de crédito estipulado. Portanto, conclui-se que a análise de crédito das pessoas físicas produtores rurais se mostrou mais eficiente e adequada quando realizada por intermédio da análise de crédito pessoa jurídica, desta forma, sendo passível de utilização na pessoa física produtor rural.



Resumo Inglês:

The objective of this study is to analyse the legal person rural producer through the model of legal entity credit analysis, and also through the model of the salaried person, in order to verify if there are differences in this credit analysis regarding the credit limit. The methodology includes the quantitative approach; the technical procedures used were the structured interview, classified as a multiple case study and regarding to the objectives, the exploratory research was adopted. The main results obtained from the credit analyses, through the salaried person and legal entity models, showed that the establishment of the credit limit, through the legal entity model, reflects a lower value, that is, a lower capacity of payment to the detriment of the salaried person analysis model. This difference was in most cases greater than 50% of the stipulated credit limit. Therefore, it was concluded that the credit analysis of legal person rural producers has proved to be more efficient and adequate, when carried out through the legal entity credit analysis, thus being possible its use in the legal person rural producer.